• lattesBW
  • Facebook - Black Circle
  • Vimeo - Black Circle
  • Instagram - Black Circle
  • YouTube - Black Circle

120'

Performance presencial e participativa. O performer se veste de uma pele-macacão e caminha pelo espaço público em silêncio. Por meio de fones de ouvido dispostos por baixo da pele-macacão conectados a aparelhos reprodutores de áudio tipo MP3 fixados no corpo, o transeunte pode ouvir memórias aleatórias, gravadas informalmente pelo performer e que se conectam as partes onde os aparelhos estão fixados.

Memorial Descritivo: O performer fixa 06 (seis) aparelhos reprodutores de áudio (tipo MP3) em seu corpo (mãos [2], pés [2], órgão genital [1] e boca [1]) com fita adesiva tipo crepe, destes dispositivos saem fones de ouvido. Os arquivos dispostos contam memórias do performer. Uma vez vestida à pele-macacão, o artista caminha em silêncio pelo espaço público.

 

A performance foi realizada no Festival SESC Aldeia Ilha do Mel, 2017, Vitória-ES; Exposição Coletiva Frágil - Pele Fina da Civilização, 2017, Universidade Federal do Espírito Santo, Vitória, ES; I Semana Municipal de Arte Moderna da Juventude Afro-Ameríndia de Vitória, Museu Capixaba do Negro – MUCANE, 2017, Vitória-ES; Mostra Xoque de Arte da Guerra, Florianópolis, Santa Catarina, 2016.

 

Ficha técnica:
Criação/Concepção: Geovanni Lima
Figurino: Geovanni Lima
Imagens: Álvaro Leite e Paula Barbosa

Vídeo/Edição: Fred Farias

O que te diz meu corpo?, 2016